Site do Mixto

Nonato


Raimundo Nonato de Lima Ribeiro  •  38 anos  •  Atacante



Ficha técnica


Data de nascimento: 05/07/1979
Naturalidade: Viseu-PA (BRA)
Altura: 176 cm
Melhor pé: Direito


Linha do tempo


05/07/1979

Nasce Nonato em Viseu-PA (BRA).
14/08/2014

Atacante Nonato pede rescisão de contrato com o Itumbiara, e deixa o clube.
14/08/2014

Diretoria do Goianésia anuncia o retorno do atacante Nonato, que estava no Itumbiara.
05/12/2014

Goianésia confirma a contratação de 3 jogadores para o Goianão: Nonato, Roni e Luciano.
20/02/2015

Atacante Nonato é internado por causa de dengue e desfalca Goianésia contra Grêmio Anápolis.
04/05/2015

A FGF, em parceria com a Rádio 730, divulgou a seleção do Goianão 2015: Renan (Goiás), Clayton Sales (Aparecidense), Felipe Macedo (Goiás), Mirita (Aparecidense) e Paulo César (Aparecidense); Rodrigo (Goiás), Geovane (Aparecidense); Robert (Aparecidense) e Felipe Menezes (Goiás); Conrado (Trindade) e Nonato (Goianésia). O melhor técnico foi Márcio Azevedo. O melhor jogador da competição foi Felipe Menezes e a revelação foi o volante Rodrigo. Também foram entregues os prêmios de campeão da Divisão de Acesso para o Vila Nova, artilheiro e melhor jogador para Frontini.
08/12/2015

Goianésia acerta o retorno do atacante Nonato para a disputa do Campeonato Goiano. O jogador foi artilheiro do estadual nas últimas duas edições
09/01/2016

Em jogo-treino, no Clube da Jalles Machado, o Goianésia empatou por 2 a 2 com o Gama-DF na preparação para o Campeonato Goiano. Os gols do time goiano foram marcados por Nonato.
07/04/2016

O meia Marcus Vinicius acertou a rescisão de contrato com o Goianésia após a disputa no estadual. O atacante Nonato recebeu proposta do Luziânia, mas a diretoria do Azulão não aceitou liberá-lo
10/05/2016

Federação Goiana de Futebol anuncia seleção do Campeonato Goiano em festa: goleiro Felipe, laterais Marcelo e Juninho, zagueiros Renato Justi e Vinicius Simon; volantes Róbston e Felipe Baiano; Meias Lucas Sotero e Wagner; atacantes Nonato e Carlos Eduardo. Técnico Waldemar Lemos. Árbitro Eduardo Tomaz e os auxiliares Bruno Pires e Fabrício Vilarinho. O atacante Galeno foi eleito a revelação do campeonato e Carlos Eduardo, a fera da competição.
14/05/2016

Atacante Nonato acerta contrato com o Nacional-AM para a disputa da Série D do Brasileiro
24/12/2016

A diretoria do Goianésia acertou a contratação do atacante Nonato para a disputa de mais uma edição do Campeonato Goiano.


Histórico


Nonato começou nas divisões de base do Tuna Luso. Ainda lá, foi descoberto pelo observador técnico do Bahia na época, Juracy Garrido. Garrido se impressionou com a capacidade que o jovem atacante tinha para marcar gols e o trouxe para a categoria júnior do Tricolor. Em seu primeiro Campeonato Baiano de júnior, ainda em 1998, Nonato foi o artilheiro da competição, com 24 gols.

Em 2016, o atacante se tornou pela terceira vez consecutiva o artilheiro da elite do futebol goiano. Com o feito, Nonato igualou a marca de Foca quando foi artilheiro nos anos de 1951/52/53 com a camisa do Goiânia. Na Era profissional, nenhum jogador havia atingido este feito, tampouco um clube do interior conseguia emplacar o artilheiro três vezes consecutivas.

Clubes: Bahia-BA (1998-2003); Daegu-Coréia do Sul (2004); Seoul-Coréia do Sul (2005); Goiás (2006-07); Fortaleza (2007); Bahia (2007); Consadole Sapporo-Japão (2008); Atlético (2008); Treze-PB (2008); Mixto-MT (2009); ABC-RN (2009); Treze-PB (2009-10); Corintians-RN (2010); Goianésia (2010); Trindade (2011); Anapolina (2011); Rio Verde (2012); Gurupi (2012); Goiânia (2012); Mixto-MT (2012); Goianésia (2013-14); Itumbiara (2014); Goianésia (2014); Itumbiara (2014); Goianésia (2015); Treze (2015); Goianésia (2016), Nacional-AM (2016) e Goianésia (2017)

Conquistas Coletivas:
Acesso para o Campeonato Goiano Série A: 2014 (Itumbiara).

Feitos Individuais:
Artilheiro da Anapolina no Campeonato Brasileiro - Série D 2011, com 3 gols.
Artilheiro do Goiânia no Campeonato Goiano - Série B de 2012, junto com Finazzi, com 4 gols
Artilheiro do Campeonato Goiano - Série A: 2014 (9 gols, Goianésia); 2015 (10 gols, Goianésia); 2016 (10 gols, Goianésia)
Artilheiro do Goianésia na Copa do Brasil de 2014, ao lado de André Beleza, com 1 gol.
Artilheiro do Goianésia na Copa do Brasil de 2016, ao lado de Cléber Augusto e Allef, com 1 gol.
Melhor atacante do Campeonato Goiano: 2015 (Goianésia); 2016 (Goianésia).
Jogador com mais jogos disputados pelo Goiás na Copa Libertadores da América de 2006, ao lado de Fabiano, Jadilson, Júlio Santos, Harlei e Rogério Corrêa, com 10 partidas.
Jogador com mais jogos disputados pelo Goianésia no Campeonato Goiano de 2016, ao lado de Leandro e Luciano, com 14 partidas.


Estatísticas


Campeonato:
Edição:
Clube:



Partidas disputadas: 150
Vitórias: 54 Empates: 40 Derrotas: 56
Gols marcados: 72 Cartões amarelos: 15 Cartões vermelhos: 3
Gols contra: 0


Partidas




Programa de rádio

Edição 160 - Célio Gaúcho

Todos os domingos às 12h na Rádio 730

Enciclopédia


Em seu primeiro jogo válido pelo Campeonato Brasileiro, o Goiânia venceu o CEUB (DF), por 2 a 1. A partida foi realizada no dia 24/08/1975, no Estádio Serra Dourada.